Graduação

Ênfase Eletrônica e Sistemas: Uma proposta abrangente e flexível

Disciplinas Elétrica até o 3 ano

O 4º Ano

Na Ênfase Eletrônica e Sistemas, a partir do 4º ano, no 8º semestre você terá 6 disciplinas que estabelecerão as bases das de um currículo moderno, focado nas linhas de formação de Sistemas Eletrônicos Embarcados, Sistemas Eletrônicos Inteligentes, Processamento de Sinais, Micro e Nanoeletrônica e Sistemas Ópticos e de Micro-ondas. No 9º semestre você terá um Laboratório Integrativo de Sistemas Eletrônicos que juntará os conhecimentos das disciplinas do 8º semestre e escolherá, dentro de um cesto de disciplinas oferecidas referentes a todas as linhas de formação, apenas 3 disciplinas. Para complementar sua formação, também terá uma disciplina administração e empreendedorismo. A linha de formação de Sistemas Eletrônicos Embarcados envolve combinações de software e hardware projetados para funções específicas, geralmente operando em tempo real, baixo consumo de energia, confiabilidade e conectividade. Ela toma como base as necessidades tecnológicas advindas do mercado global e do mercado brasileiro e as oportunidades de inovação da área, baseando-se no conceito de Sistemas Embarcados Ciber-físicos, muito empregado nas mais renomadas Universidades do mundo. A abordagem pedagógica proposta integra teoria com prática, sendo voltada a projetos. As disciplinas desta linha de formação oferecidas no quarto ano são Arquitetura de Sistemas Embarcados (7º semestre, obrigatória) e Projeto de Sistemas Embarcados (8º semestre, optativa eletiva). A linha de formação em Sistemas Eletrônicos Inteligentes enfoca elementos de inteligência de máquina, aprendizado automático e adaptabilidade, que são hoje partes integrantes dos sistemas eletrônicos modernos. Isso envolve elementos temáticos como Reconhecimento e Classificação de Padrões, Aprendizado de Máquina, Redes Neurais, Tratamento e Reconhecimento de Imagens, Fusão de Informações Heterogêneas e Técnicas de Otimização, que serão abordados de forma integrada a sistemas eletrônicos reais envolvendo informações sonoras, visuais e multissensoriamento. O grande leque de sistemas e cenários atuais que se beneficiam dessa linha de formação configura sua grande importância para a sociedade, para o ensino de engenharia, para o mercado de trabalho e para a inovação em Eletrônica e Sistemas. As disciplinas desta linha de formação oferecidas no quarto ano são Fundamentos de Sistemas Eletrônicos Inteligentes (7º semestre, obrigatória) e Concepção e Implementação de Sistemas Eletrônicos Inteligentes (8º semestre, optativa eletiva). A linha de formação em Processamento de Sinais envolve um conjunto de técnicas para tratamento de informação, em suas mais variadas formas, como som, sinais de sensores, ou imagens. Nas disciplinas de processamento de sinais e imagens serão vistos tanto aspectos básicos de processamento de sinais (como filtragem linear, transformada de Fourier) quanto aspectos mais avançados, como processamento multitaxa e tratamento estatístico de incerteza (estimação, classificação de padrões, tratamento de ruído), com aplicações como codificação e reconhecimento de voz, cancelamento de eco, implementação de algoritmos em aritmética de precisão finita, dentre outras. As disciplinas envolverão tanto aspectos teóricos quanto práticos, com implementações relacionadas às aplicações mencionadas. As disciplinas desta linha de formação oferecidas no quarto ano são Processamento Estatístico de Sinais (7º semestre, obrigatória) e Processamento de Áudio e Imagem (8º semestre, optativa eletiva). A linha de formação em Micro e nanoeletrônica dará ao aluno uma visão atual das técnicas de projeto/concepção, fabricação e caracterização elétrica de circuitos integrados digitais e analógicos, que o habilita atuar tanto em pesquisa (pós-graduação) como em empresas da área no país (como a CEITEC, UNITEC, SMART, HTMicron, Freescale, Cadence, LSITec, etc.) e no exterior (como a IBM, Intel, STMicron, TSMC, Samsung, Qualcomm, etc). As disciplinas desta linha de formação oferecidas no quarto ano são Projeto de Circuitos Lógicos Integrados (7º semestre, obrigatória) e Projeto de Circuitos Integrados Digitais e Analógicos (8º semestre, optativa eletiva). A linha de formação de Sistemas Ópticos e de Micro-ondas enfoca os sistemas de comunicação empregados em áreas que passaram por grande ampliação nos últimos anos, incluindo sensoriamento remoto e etiquetas eletrônicas. Nessa linha de formação, são abordados conceitos essenciais para projeto de sistemas ópticos e de micro-ondas, como: estudo de antenas; arquitetura de sistemas de micro-ondas e de fibras ópticas; parâmetros característicos de sistemas de comunicações de alta frequência, equacionamento, análise e projeto desses sistemas; modelos de propagação de ondas eletromagnéticas no ar e em meios guiados, incluindo guias de ondas, linhas de transmissão planares e fibras ópticas. A abordagem pedagógica integra teoria com experiências em laboratório. As disciplinas desta linha de formação oferecidas no quarto ano são Sistemas Ópticos e de Micro-ondas (7º semestre, obrigatória) e Antenas, Micro-ondas e Óptica Moderna (8º semestre, optativa eletiva).

 

O 5º Ano

No 5º ano você terá três opções principais: poderá cursar um módulo vermelho completo na pós-graduação (módulo acadêmico PPMES – Pré-Mestrado em Eletrônica e Sistemas), um módulo vermelho em outra ênfase da Elétrica ou habilitação da Poli, ou um módulo vermelho de aprofundamento em Eletrônica e Sistemas. Este módulo de aprofundamento, denominado Sistemas Eletrônicos Avançados (módulo acadêmico SEA), terá em cada semestre apenas 12 créditos e será composto de disciplinas optativas eletivas: três optativas dentre um cesto de disciplinas referentes a todas às linhas de formação (Sistemas Eletrônicos Embarcados, Sistemas Eletrônicos Inteligentes, Processamento de Sinais, Micro e Nanoeletrônica e Sistemas Ópticos e de Micro-ondas). Adicionalmente, os professores da ênfase de Eletrônica e Sistemas participam de blocos vermelhos de 5º ano com um recorte direcionado a áreas específicas de atuação como “Engenharia Automotiva” e “Engenharia Biomédica”.

 

O Aluno formado fala: Elison Matioli de Nazareth, professor da EPFL na Suíça. Na Poli, eu fiz sistemas eletrônicos, em seguida fiz duplo diploma na Ecole Polytechnique em física e matemática aplicada, seguido por um PhD na Universidade da California em ciência dos materiais, pós-doutorado no MIT em engenharia elétrica e hoje sou professor na EPFL na Suíça em física aplicada e engenharia elétrica. Vários cursos de sistemas eletrônicos foram muito importantes para a minha trajetória, como PSI2621 – Física dos Dispositivos Semicondutores, PSI2622 – Dispositivos Semicondutores de Potência, PSI2211/2 – Circuitos Elétricos, PSI2221/2 – Práticas de Eletricidade e Eletrônica e PSI2324/6 – Eletrônica. Mais importante do que os conhecimentos técnicos de cada uma dessas matérias foi a base e a visão que elas me deram pra cada etapa subsequente na minha formação. Um aspecto importante de sistemas eletrônicos é a formação generalista oferecida, o que nos dá uma visão mais ampla, mas mantendo uma base forte que nos permite escolher diversas áreas após a graduação. No meu caso específico, esta visão e base me permitiram escolher matérias cientificas nas etapas futuras da minha formação na Ecole Polytechnique, Universidade da California e MIT, que de forma complementar me deram a base suficiente para a pesquisa cientifica que eu desenvolvo hoje, que está na fronteira de ciência dos materiais, física aplicada e engenharia elétrica.

 

O Aluno formado fala: Albert Nissimoff, Diretor de Tecnologia da Control ID Como atuo em uma empresa nacional que desenvolve produtos para controle e identificação de pessoas (controle de acesso, ponto etc.), os conhecimentos técnicos e de sistemas eletrônicos são fundamentais no dia-a-dia. De forma geral, a visão sistêmica e gerencial aprendida ao longo do curso permite transformar em realidade um conjunto de requisitos em um produto real e comercializável. Além disso, os aspectos técnicos inerentes ao desenvolvimento, como por exemplo definição de componentes, criação de esquemático, lay-out, prototipagem e programação (tanto de firmware como de software), são facilmente superados com a bagagem adquirida no curso. É importante salientar que este é um segmento que avança muito rápido e é impossível cobrir todas as possibilidades em um curso de 5 anos, no entanto, os conceitos fundamentais da eletrônica são muito bem explorados assegurando a capacidade do Engenheiro de Sistemas Eletrônicos de se manter atualizado e de superar desafios técnicos. Por fim, o Brasil é um país com muitas oportunidades no mercado de eletro-eletrônica. Atualmente, o governo federal oferece incentivos específicos para empresas de eletrônica, como o PPB (Processo Produtivo Básico) e o BDP (Bem Desenvolvido no País), que permitem zerar o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de produtos com tecnologia nacional aumentando a competitividade nacional frente a produtos importados. Ou seja, é uma área com muitas oportunidades e este cenário só tende a melhorar.

Quer saber mais?

Assista ao vídeo abaixo onde o Prof. Seabra, chefe do PSI (gestão 2014-2017) fala da ênfase Eletrônica e Sistemas e o aluno formado (2013) Conrado de Vitor fala da experiência de gerenciar uma start-up na área de Eletrônica e Sistemas. Consulte também os documentos logo após o vídeo, que contêm os textos completos do Programas Pedagógicos e outros materiais-resumo de apresentações PPT feitas aos alunos, referentes a dois módulos acadêmicos de 5º ano oferecidos pelo PSI.

Para alunos que não cursaram o 4º ano na Engenharia Elétrica – ênfase em Eletrônica e Sistemas, há a possibilidade de cursarem o módulo vermelho denominado Fundamentos de Sistemas Eletrônicos (FSE), baseado em disciplinas do 4º ano da ênfase. Neste caso, não há disciplinas obrigatórias e o aluno deverá escolher 3 disciplinas eletivas no 9º e mais 3 eletivas no 10º de um conjunto de 5 disciplinas oferecidas em cada semestre.

 

 

• PPP – Eletrônica e Sistemas – 140917

 

Módulo acadêmico SEA – Sistemas Eletrônicos Avançados (5º ano no PSI desenhado para os alunos que fizeram 4ºano no PSI)

PPT(em PDF) com informações gerais sobre o “SEA”

 

Módulo acadêmico FSE – Fundamentos de Sistemas Eletrônicos (5º ano no PSI desenhado para os alunos que fizeram 4º ano fora do PSI)

Documento PDF com o Programa Pedagógico do “FSE”

PPT (em PDF) com informações gerais sobreo o “FSE”

 

As informações sobre o Módulo acadêmico PPMES – Pré-Mestrado em Eletrônica e Sistemas– estão disponíveis em página específica do PPMES… clique aqui!