Integrantes

Antonio Rodrigues De Freitas Junior

  • Mestre em Direito do Trabalho (USP,1987)
  • Doutor em Direito (USP, 1992)
  • Livre-Docente em Direito do Trabalho (USP, 1999)
  • Docente na USP desde 2002
  • Professor Associado desde 2002
  • Contato: arfreit@usp.br ou ar2336@cornell.edu
  • Antonio Rodrigues de Freitas, Jr., is currently an Associate Professor at the University of São Paulo (USP), Faculty of Law (FDUSP), where he lectures and researches with an emphasis on Labor & Employment Law, Human Rights, Social Protection of Migrants, and Alternative Dispute Resolution. Due to his work on ADRs, he was awarded by the National Council of Justice with the prize “Conciliar é Legal – Ensino Superior (2017). He holds a Law Degree (LL.B., 1981), Master’s in Labor Law (1987), and Doctorate (1992) from FDUSP. He has also lectured or conducted research abroad at places such as the Universities of Shinshu –  Matsumoto (Japan) and Tokyo (Japan), Modena – ADAPT (Italy), Coimbra (Portugal), Bari (Italy), Andalucía – La Rabida (Spain), and at the Research Committee on Sociology of Law ISA – Oñati (Spain). Former Brazilian National Secretary of Justice (2002) and former Attorney General of the São Paulo City Council (from 1998 to 2003), Freitas held the rotary presidency of the Mercosur Technical Group during the 2002 Salvador Meeting that defined the proposal for the 2002 Mercosur Residence Agreement. Freitas also joined the Ministry of Labor and Employment Technical Commission that put forth the proposal for legal action and for a Constitutional Amendment towards reforming the Brazilian corporatist industrial relations system (2003). Apart from his academic activities, Freitas also serves as legal consultant for clients such as workers unions and NGOs. In the academic term (Jan-Jun/2017), Freitas lectured “Mediation in Conflicts of Justice, Culture of Peace and Promotion of Human Rights III – Preparatory workshops for a Comparative Research Project on Culture and Litigation”, comprehending at first Brazil and Japan, by means of the ongoing partnership between USP and Shinshu University – Matsumoto, and during the current academic term (Jan-Jul/2018), he holds researches as a Visiting Fellow in the Cornell University ILR, Ithaca (US).

face4

Victor Raduan da Silva

Mestrando, em dedicação integral às atividades acadêmicas, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FD-USP), na área de concentração de Direito do Trabalho e da Seguridade Social. Bacharel em Direito também pela FD-USP,Foi membro, em 2016, do Grupo de Pesquisa da Cátedra José Bonifácio (CJB), vinculado ao Centro Ibero-Americano da Universidade de São Paulo (CIBA-USP). Desde 2017, é membro da Canadian Law and Society Association-Association Canadienne Droit et Société (CLSA-ACDS) e do Research Committee on Sociology of Law da International Sociological Association (RCSL-ISA). No 2º semestre de 2016 e no 1º semestre de 2017, foi estagiário bolsista do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE) na FD-USP. Entre junho e julho de 2017, apresentou trabalhos nos eventos: (i) International Meeting on Law and Society, na Cidade do México, México; (ii) Labour Law Research Network (LLRN) Conference, em Toronto, Canadá; e (iii) Conference of the Regulating for Decent Work (RDW), na Organização Internacional do Trabalho (OIT) em Genebra, Suíça. Entre julho e agosto de 2017, participou da Sessão 2 do Programa Law in Japan, da Universidade Meiji, Japão. Apresentou um trabalho, em janeiro de 2018, no evento Brazil-Japan Litigation and Society Seminar: Courts and Dispute Resolution, ocorrido na Universidade Shinshu, em Matsumoto, Japão. É membro da Law and Society Association (LSA) desde 2018. É membro, desde 2017, do Grupo de Pesquisa em Migração e Direito Internacional do Trabalho (GEMDIT) da FD-USP, fazendo parte da coordenação da Atividade de Cultura e Extensão Grupos sociais vulneráveis no ambiente internacional do trabalho: Cartilha de Direitos Sociais do GEMDIT. Nessa linha, está desenvolvendo sua Dissertação de Mestrado Brasil, China e Coreia do Sul: o Direito do Trabalho e a migração na semiperiferia do capitalismo;.


face3

Mauricio Evandro Campos Costa

Possui graduação em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2010) e especialização em Direito do Trabalho pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2015). Mestrando do programa de Pós-Graduação em Direito da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Procurador da Procuradoria Geral da Universidade de São Paulo, com atuação na Procuradoria Judicial Trabalhista


face4

Rodrigo de Souza Rodrigues

Possui graduação em Direito pela Universidade São Judas Tadeu (2003). Atualmente é gerente jurídico do Sindicato dos Empregados no Comercio Hoteleiro e Similares de São Paulo. Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito, atuando principalmente no seguinte tema: direito coletivo do trabalho, direito Internacional do trabalho, direito do meio ambiente do trabalho. Participou da 100, 101, 102, Conferência da Organização Internacional do Trabalho. Representante dos Trabalhadores no grupo tripartite do Ministério do Trabalho e Emprego para discussão do projeto de lei de práticas antissindicais. Pós Graduação pela Direito GV em Direito Empresarial (não concluído). Mestrando em Direito do Trabalho pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.


face4

Guilherme Sampieri Santinho

Doutorando em Direito pela Universidade Estadual de São Paulo – USP (2017-2020); Mestre em Direito em Universidade Estadual do Norte do Paraná – UENP (2013); Especialista em Direito e Processo Tributário – IBET (2007); Especialista em Direito do Trabalho – PUC Campinas (2006); Especialista em Direito Constitucional – PUC Campinas (2002); Graduado em Direito e Ciências Sociais – PUC Campinas (2001). Professor na Universidade Católica Bosco (UCDB) Direito Processual do Trabalho, Direito do Trabalho, Direito Empresarial e Falimentar e Direito Tributário. Atuando na áreas de Direito do Trabalho, Tributário e Empresarial. Participando em bancas de TCC em cursos de graduação. Em seu Currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Direitos Humanos, Direito do Trabalho, Direito Empresarial e Direito Internacional.


Jface4ardel Gonçalves Anjos Ferreira

Advogado. Possui graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2003). Especialista em Diplomacia Econômica (Unicamp/2005). Mestrando em Direito Internacional (FDUSP). Tem experiência na área do Direito Trabalhista, Cível e Internacional.


face4

Pedro Henrique Dias Alves Bernardes

Mestrando em Direitos Humanos pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FD-USP). Graduado em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (UnB). Áreas de interesse: Direitos humanos, migrações e direitos LGBT


Dface4aniel Bertolucci Torres

Mestrando em Direitos Humanos na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FDUSP). Graduado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2009). Foi advogado no Centro de Referência para Refugiados da Caritas Arquidiocesana de São Paulo. Possui também graduação em Teatro pela Escola Superior de Artes Célia Helena (2012)