NEWroscience 2013 e Epilepsias na Vida Real

O Grupo de Estudos “Reflexões em Neurociência Contemporânea”, coordenado pelo Prof. Norberto Garcia-Cairasco, realizará o International Symposium NEWroscience 2013: Epilepsies: Complexity and Comorbidities.
Este simpósio é a quarta edição, a segunda internacional, de uma sequência de eventos que são realizados a cada cinco anos desde 1998 pelo Laboratório de Neurofisiologia e Neuroetologia Experimental da Faculdade de Medicina da USP Ribeirão Preto.
O público alvo do evento é a comunidade científica no campo das neurociências com especial enfoque nas Epilepsias, sua complexidade e comorbidades, contemplando a participação de alunos de graduação, pós-graduação e de profissionais da área da Saúde, das humanidades, artes plásticas, ciências da computação e engenharias, e demais interessados pelo assunto.

O objetivo do simpósio é promover a discussão aberta e livre sobre os temas tratados com grandes especialistas de cada área, os quais estarão presentes durante todos os dias do evento, facilitando o contato direto entre os palestrantes e o público alvo.

O NEWroscience 2013 contará com 22 palestrantes nacionais e internacionais de reconhecido destaque na pesquisa em Neurociências, Epileptologia e comorbidades psiquiátricas. Para acessar a programação completa, clique aqui.

As Epilepsias na vida real

O simpósio contará também com a mesa redonda “As Epilepsias na vida real”, que ocorrerá no dia 20 de setembro, das 17h10 às 18h30, sendo gratuita e aberta a todo o público.

O objetivo desta atividade é abordar diferentes aspectos das epilepsias, através de uma discussão democrática entre profissionais, familiares e pacientes com epilepsia. Este esforço visa aproximar a ciência da sociedade, para que pacientes com epilepsia e familiares possam trazer seus relatos e reflexões, além de se informar sobre esta complexa alteração neurológica.

Os integrantes da mesa redonda serão:

Maria Carolina Doretto: Graduada em Farmácia e Bioquímica pela Faculdade de Farmácia e Odontologia de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo (USP), onde também realizou seu Mestrado e Doutorado em Fisiologia, pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Desenvolve pesquisa em diferentes linhas envolvendo a Epilepsia, como também atua nas causas sociais da Epilepsia, apresentando grande experiência na área.

Vera Cristina Terra: Graduada em Medicina pela FMRP. Neurologista Clínica, Mestre e Doutora em Neurologia pela FMRP-USP. Trabalhou durante 15 anos como Médica Assistente do Hospital da FMRP-USP na área de Epileptologia, com ênfase no atendimento, diagnóstico e tratamento de crianças, adolescentes e adultos com Epilepsia. Atualmente trabalha na mesma área no Centro para Diagnóstico e Tratamento de Epilepsia do Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Geraldo da Costa Araújo Filho: Advogado, estudioso da epilepsia, apresenta crises epilépticas desde os quatro anos de idade, que segundo o próprio relato, são crises variadas, o que o tornou o centro de diversos debates acadêmicos. Coordenador dos grupos: Convivendo com a Epilepsia e Quebra do Preconceito Epilepsia. Fundador e vice-presidente da Associação de Pessoas com Epilepsia.

Nívia Colin: Psicóloga, mãe de paciente com epilepsia, que teve início das crises aos sete anos. Desde então a medicação foi alterada 18 vezes pela falta de resposta ao tratamento medicamentoso. Após este tempo de insucesso com o tratamento, a família decidiu manter a qualidade de vida e estabilizar a crise com o auxílio de uma psicopedagoga e terapeuta familiar. Há aproximadamente um ano e dois mês, seu filho não apresenta crises e tem uma rotina de vida normal para crianças da sua idade. Coordenadora dos grupos: Mães da Epilepsia, Convivendo com a Epilepsia e Quebra do Preconceito Epilepsia.

VOCÊ PODE GOSTAR ...