Seminário aborda objetivos de desenvolvimento sustentável sobre instituições eficazes e parcerias

O Projeto Ribeirão Preto e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU promove nesta quarta, dia 5, a partir das 19h, mais um seminário temático. O tema desta edição será os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 16 e 17, que abordam os temas Paz, Justiça e Instituições Eficazes e Parcerias e Meios de Implementação. 

O evento será realizado presencialmente, no Anfiteatro da Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da USP, e terá transmissão on-line pelo canal da FDRP no YouTube. As inscrições podem ser feitas neste formulário. É obrigatória a apresentação de certificado vacinal de covid-19. Haverá envio de certificado para os participantes de ambas as modalidades.

Participam como debatedores os professores da Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da USP, Cynthia Soares Carneiro e Paulo Eduardo Alves da Silva; a pós-doutoranda da Unifesp Rachel Lopes Queiroz Chacur; o juiz do Tribunal de Justiça de São Paulo André Augusto Salvador Bezerra; o diretor do departamento de Direitos Humanos e Igualdade Racial da Secretaria Municipal de Justiça, João Antunes Neto; e o integrante da Coordenação de Justiça e Segurança Pública da Diretoria de Estudos e Políticas do Estado, das Instituições e da Democracia (Diest) do Ipea, Helder Rogério Sant’Ana Ferreira.

Mais informações: agendaonu2030@usp.br.

Sobre o projeto

O projeto Ribeirão Preto e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU vai realizar reuniões públicas de mobilização e debate sobre o processo de implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU na cidade e região.

Essa é uma iniciativa das Faculdades de Direito (FDRP), Economia, Administração e Contabilidade (FEA-RP) e de Medicina (FMRP) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP), todos da USP em Ribeirão Preto, em parceria com a Prefeitura e a Câmara Municipal de Ribeirão Preto, o Instituto Ribeirão 2030 e com governos e legislativos municipais e entidades da sociedade civil.

VOCÊ PODE GOSTAR ...