D8 - Separação de componentes por visão computacional

O demonstrador de Separação de componentes por Visão computacional aplica tecnologias de Machine Learning, automação e programação em nuvem, realizando o controle de qualidade e a separação rodinhas por cor após a desmontagem do skate. 

 

As rodinhas são colocadas no início da esteira e, ao passarem pela Câmera industrial inteligente acoplada à esteira, a cor da rodinha é identificada, e então, com o auxílio de um atuador e de um pistão pneumático, a rodinha é empurrada para fora da esteira para uma das bandejas de separação, de acordo com sua cor. 

 

O diagrama a seguir resume o funcionamento do sistema:

Diagrama dos componentes

  1. 1. O sistema de visão ESOS (Câmera industrial inteligente) faz a leitura e reconhecimento das rodinhas do skate que passam na esteira;
  2.  
  3. 2. O Controlador Lógico Programável (CLP) recebe os dados e aciona os atuadores;
  4.  
  5. 3. Os atuadores vão separar as rodinhas conforme o comando transmitido pelo CLP.

Funcionamento do demonstrador de Separação de componentes por Visão computacional

Componentes do processo de separação

ESOS - Câmera de visão computacional

As rodinhas chegam na esteira e passam pela cabine de inspeção onde são "vistas" pela câmera de visão computacional que, por meio de um algoritmo de machine learning inserido em um banco de dados em nuvem, identifica as rodinhas de acordo com sua cor (branco, laranja, roxo, verde e verde-limão) e ainda verifica se a rodinha possui ou não rolamento.

Sistema de visão ESOS

Sistema de visão ESOS instalado na cabine de inspeção

Identificação da rodinha

CLP - Controlador Lógico Programável

Através de um CLP (controlador lógico programável), é realizado o controle de tempo necessário e a ordem que irá ser acionado para que os atuadores pneumáticos sejam acionados.

Controlador lógico programável

Atuador

O atuador é um componente mecânico acionado por ar comprimido para produzir o movimento de retirada das rodinhas da esteira de acordo com a lógica programada do CLP. Neste caso, ele só é acionado para separar as rodinhas do skate e os tipos de características que deseja-se identificar nas rodas, como a presença ou não de rolamento e cor a ser triada.

Sistema de atuação empurrando as rodinhas para os compartimentos

Compartimentos de separação

O sistema de Separação de componentes por Visão computacional já se encontra em plena operação e pode ser utilizado pelos alunos para aplicações diversas de Visão computacional e separação de componentes, para além da separação das rodinhas, como por exemplo, para o controle de qualidade e identificação de erros em diferentes tipos de produtos, bastando a configuração do sistema de Visão computacional para o produto específico a ser inspecionado.

INOVA USP – Centro de Inovação da USP
Avenida Lúcio Martins Rodrigues, 370 – Butantã, São Paulo – SP


© 2020 Fábrica do Futuro | Todos os direitos reservados