Site da USP
Arquivo Geral da USP
FacebookTwitter

Histórico

O SAUSP ( Sistema de Arquivos da USP) e o Arquivo Geral possuem seus históricos interdependentes.

Para entender um pouco mais sobre a trajetória do Arquivo Geral é preciso fazer referência ao Sistema de Arquivos da Universidade de São Paulo, criado anteriormente ao Arquivo Geral, em novembro de 1997. A concepção, na época, era da gestão de documentos de forma descentralizada, ou seja, cada unidade/órgão da universidade cuidaria de seu acervo.

O Sistema de Arquivos da USP é composto pelos órgãos setoriais (nos órgãos e unidades da USP) e pelo órgão central (Arquivo Geral).

Após um diagnóstico em todos os arquivos da USP, em 2003, foi proposta a criação de local como modelo para a instituição, no tocante à  guarda de documentos e elaboração de diretrizes para o SAUSP.

Assim surge o Arquivo Geral, em 2005, como órgão de estrutura, que executa ações voltadas para os documentos permanentes sob sua custódia, além de sediar e promover atividades do SAUSP e emanar diretrizes sobre gestão de documentos da Universidade. Os órgãos setoriais são os multiplicadores das ações nas unidades/órgãos, difundindo o conhecimento e aplicação as ações e normativas geradas pelo  Arquivo Geral .

Segue uma breve cronologia do SAUSP e Arquivo Geral:

1995 – instalação de um Grupo Executivo incumbido de elaborar um projeto que compatibilizasse as práticas administrativas da USP e os procedimentos adotados na organização e arquivamento de documentos delas resultantes.

1996 – Constituição de  Comissão Técnica para elaborar os instrumentos de gestão do Sistema de Arquivos da USP.

1997 –  Institucionalização do SAUSP. Publicação dos instrumentos de Gestão (Plano de Classificação de Atividade da USP, Tabela de Temporalidade de Documentos e Glossário de Espécies/Formatos e Tipos Documentais).

1998 – 1ª aplicação das Tabelas de Temporalidade da USP.

2003 – Início do diagnóstico da condição dos acervos da universidade.

2004 – Instalação do Conselho Técnico.

2005 – Criação do Arquivo Geral no organograma da Universidade. Início da construção da 1ª parte do prédio do Arquivo Geral. Publicação do Manual de Conservação: papel e filme – resultado do diagnóstico iniciado em 2003.

2006 – Entrega da 1ª parte do prédio do Arquivo Geral (março).

2007 – Mudança para o Arquivo Geral- 1ª. Parte do prédio (Abril).

2008 – Alteração da Portaria de institucionalização do SAUSP. Designação do Conselho Diretivo. Publicação da 1ª versão do Manual de Gestão Documental. Realização do 1º. GEPEA (Encontro para funcionários de Protocolo, Expediente e Arquivo).

2009 – Realização do 1º. Seminário sobre Documentos em Meio Digital.

2010 – Realização do 2º. GEPEA (Encontro para funcionários de Protocolo, Expediente e Arquivo). Início da Área de Organização da Informação.

2011 –  Início da construção da 2ª parte do prédio do Arquivo Geral. Início da Área de Conservação de Documentos. Realização do 2º. Seminário sobre Documentos em Meio Digital.

2012 – Aprovação do Organograma do Arquivo Geral. Realização do 3º. GEPEA (Encontro para funcionários de Protocolo, Expediente e Arquivo).

2013 – Execução do projeto Memória Docente. Criação da CADA (Comissão de Avaliação de Documentos e Acesso). Realização do 3º. Seminário sobre Documentos em Meio Digital.

2014 – Entrega da 2ª parte do prédio do Arquivo Geral. Regulamentação via Circular CODAGE do “Manual de Recolhimento de Documentos ao Arquivo Geral da USP”.

2015 – Início da Área de Pesquisa, dos Treinamento de Introdução à Conservação de Documentos e do Ciclo de Palestras no AG.