Pessoas

Mario Sergio Salerno

Contato: msalerno@usp.br

http://lattes.cnpq.br/3276012121928233

https://www.researchgate.net/profile/Mario_Salerno3

Professor Titular do Departamento de Engenharia de Produção da Poli-USP. Engenheiro de Produção pela Poli-USP (1979), mestre em Enga de Produção pela UFRJ (1985), especializado em Inovação Tecnológica e Desenvolvimento (IDS, University of Sussex, 1986), doutor em Enga de Produção pela Poli-USP (1991) com sanduíche junto à Politécnica de Milão, livre-docente em Engenharia de Produção pela Poli-USP (1998). Pós-doutorado em Gestão da Inovação Radical no Rensselaer Polytechnic Institute (Troy, NY, EUA, 2015) e em Organização na Ecole Nationale des Ponts et Chaussées (Paris, França, 1996). Editor Sulamericano do International Journal of Automotive Technology and Management. Editor associado das revistas Production (2012-4) e Gestão&Produção (2009-12) e de coleções nas editoras Fabrefactum, Inova Sigma e Senac. Membro da coordenação científica da rede internacional de Pesquisa Gerpisa e da comissão organizadora do 26º Congresso Mundial Gerpisa (Jun 2018, USP). Membro da Babbage Industrial Policy Network, fórum internacional sobre manufatura e política industrial, organizada pela Universidade de Cambridge. Autor de 56 artigos publicados em periódicos (outros 3 aceitos para publicação); 63 livros e capítulos de livros publicados na Alemanha, Argentina, Brasil, Bulgária, Estados Unidos, França, Inglaterra e Itália (mais um livro em final de edição e dois capítulos); 151 textos de divulgação em jornais e revistas não acadêmicas; 125 trabalhos publicados em anais de eventos e outras 119 apresentações de trabalhos em eventos. Índice h = 8 (Scopus). Citações em 31/8/2017: 31 na ISI Web of Knowledge; 207 na Scopus; 2.697 no Google Academics. Revisor, entre outros, dos periódicos California Management Review, International Journal of Human Resources Management, International Journal of Automotive Technology and Management, Journal of Manufacturing Technology Management, Regional Studies, Revista LatinoAmericana de Estudios del Trabajo, Sociologia del Trabajo, Gestão&Produção, Novos Estudos, Prodution, Revista Brasileira de Inovação. Coordenador do Laboratório de Gestão da Inovação (LGI) do Departamento de Engenharia de Produção da Poli-USP. Coordenador do Observatório da Inovação e Competitividade do Instituto de Estudos Avançados da USP Núcleo de Apoio à Pesquisa em concorrência por edital da Pro-Reitoria de Pesquisa, com referees externos. Coordenador de projetos de pesquisa Fapesp, Finep, ABDI, CGEE-MCTI, CNPq (Pro-Engenharias, coord. Regional), BNDES, e de projetos de extensão com Apex e com empresas. Coordenador de proposta de projeto temático Fapesp em rodada final de avaliação. Os projetos hoje em curso somam orçamento de R$16.704.995,06. Bolsista do Ipea até dez17, após ter vencido edital PNPD 027/2017. Membro do Comitê Assessor Engenharias III da Capes nas avaliações trienal e APCN (2010-2012), e quadrienal 2013-2016. Membro da Congregação, da Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e do Conselho do Departamento de Engenharia de Produção da Poli-USP. Membro do Conselho Técnico-Acadêmico (2007-11) e da Comissão de Pesquisa da Poli (1998). Chefe do PRO entre 2007 e 2011; vice chefe entre 1999 e 2003. Membro do Conselho de Orientação do Instituto de Pesquisa Tecnológica do Estado de São Paulo (IPT), nomeado pelo Governador do Estado (desde 2010), e do Conselho Técnico-Científico do Instituto Nacional de Tecnologia (INT, 2008-15), nomeado pelo Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação. Diretor da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), nomeado pelo Presidente da República (2005-6). Diretor do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), nomeado pelo Ministro do Planejamento (2003-4). Membro da Coordenação do Grupo Executivo que elaborou as Diretrizes de Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior (PITCE) – 2003/4. Consultor junto à Capes, CNPq, Fapesp, Finep e BID – Banco Interamericano de Desenvolvimento. ORCID 0000-0002-2025-2534; ResearcherID H-5984.

 

Davi Noboru Nakano

http://lattes.cnpq.br/4547011512696906

Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade de São Paulo(1982), mestrado em Engenharia (Engenharia de Produção) pela Universidade de São Paulo(1997) e doutorado em Engenharia (Engenharia de Produção) pela Universidade de São Paulo(2002). Atualmente é Professor Doutor da Universidade de São Paulo, Revisor de periódico do Gestão e Produção (UFSCar), Revisor de periódico do Produção (São Paulo), Revisor de periódico da RAUSP. Revista de Administração, Revisor de periódico da RAE. Revista de Administração de Empresas e Revisor de periódico da International Journal of Production Economics. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Industrial. Atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão do conhecimento, Empresas de Serviços Profissionais.

 

Eduardo de Senzi Zancul

http://lattes.cnpq.br/3322414202275652

Professor da Escola Politécnica (POLI) da Universidade de São Paulo (USP), atuando no Departamento de Engenharia de Produção. Vice-coordenador do InovaLab@POLI – complexo laboratorial focado no aprimoramento do ensino prático de graduação em engenharia. Vice-coordenador do curso de Engenharia de Produção da POLI-USP. É um dos coordenadores no núcleo de pesquisa Observatório da Inovação e Competitividade (OIC), localizado no Instituto de Estudos Avançados (IEA-USP). Empreendedor membro da equipe que fundou o portal educacional Veduca. Apoia atividades de empreendedorismo na POLI, participando de projeto PIPE-FAPESP. Atua em ensino com foco na área de desenvolvimento de produtos. Atua em pesquisa em Gestão do Desenvolvimento de Produtos, Product Lifecycle Management (PLM), manufatura aditiva e ensino de engenharia. Possui mais de 8 anos de experiência em consultoria de estratégia, tendo sido gerente da Bain&Company até 2012. Foi pesquisador assistente do Laboratorium für Werkzeugmaschinen und Betriebslehre (WZL) da RWTH Aachen University entre 2005 e 2007. Engenheiro Mecânico (1997), mestre em Engenharia de Produção (2000) e doutor em Engenharia de Produção (2009) pela Escola de Engenharia de São Carlos da USP.

 

Guilherme Soares Gurgel do Amaral

http://lattes.cnpq.br/0224125996417880

Economista, Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo (USP). Doutor em Engenharia de Produção na Poli-USP. Pesquisador do Observatório da Inovação e Competitividade do Instituto de Estudos Avançados da USP. Pesquisador do Laboratório de Gestão da Inovação do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da USP. Especialista no setor de Energia Elétrica consultor do Núcleo de Estudos Econômicos e Financeiros (NEEF) da Andrade & Canellas Consultoria em Energia, onde atua em novos negócios, gestão de programas de P&D, estudos setoriais, análise de viabilidade econômica de projetos e assessoria estratégica para grandes consumidores industriais e empresas concessionárias de energia elétrica.

Leonardo Augusto de Vasconcelos Gomes

http://lattes.cnpq.br/0402307660357722

Professor do curso de administração na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP. Doutor em Engenharia de Produção pelo Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, com período sanduíche na Universidade de Cambridge, possui graduação em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Minas Gerais, intercalada com um intercâmbio na École Superieure D?Ingenieurs En Eletrotechnique Et Eletronique. Desenvolve pesquisas nas áreas de inovação, empreendedorismo tecnológico acadêmico, planejamento estratégico e tecnológico, Technology Roadmapping, tomada de decisão sob complexidade e incerteza, e formulação de políticas públicas em contextos de crise.

 

Raoni Barros Bagno

http://lattes.cnpq.br/8945414898196842

Possui graduação em Engenharia de Controle e Automação pela PUC Minas (2002), mestrado em Engenharia de Produção pela UFMG (2007) e Doutorado em Engenharia de Produção pela USP (2014). Entre 2001 e 2009 atuou como engenheiro de desenvolvimento de produto e gestor do programa de inovação da FPT-Powertrain Technologies. Foi professor e coordenador auxiliar de engenharia de produção da Faculdade Pitágoras Betim e do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix. Foi professor do departamento de Engenharia de Produção da PUC Minas entre 2010 e 2014, atuando também como coordenador do curso na unidade Betim entre 2013 e 2014. Atualmente é professor adjunto do Departamento de Engenharia de Produção da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). É coordenador do NTQI-UFMG (Núcleo de Tecnologia da Qualidade e da Inovação) e colaborador do LGI-USP (Laboratório de Gestão da Inovação). Tem experiência na área de Engenharia de Produção, atuando principalmente nos seguintes temas: projeto e desenvolvimento de novos produtos e gestão da inovação tecnológica.

 

Roberto Marx

http://lattes.cnpq.br/7447214099101814

Roberto Marx é engenheiro de produção pela POLI/USP, concluiu a livre docência em 2008 e o doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo em 1996. Consultor Ad-hoc da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de S. Paulo, do CNPq e da CAPES, Professor Doutor e Livre Docente da Universidade de São Paulo e Consultor Ad-hoc da CAPES, CNPq, FAPESP, entre outras. Editor associado para as áreas de Estratégia, Organização e Trabalho da revista Gestão & Produção. Pesquisador Visitante do IDS – Institute of Develpment Studies na University of Sussex, Inglaterra e na Royal Institute of Technology em Estocolmo na Suécia. Faz parte do Steering Committe do GERPISA, rede mundial de pesquisas sobre indústria automotiva e mobilidade urbana. É coordenador do Mobilab – Laboratório de Estratégias Integradas da Indústria da Mobilidade, centro de pesquisas e projetos que estuda estratégias e novos negócios no campo da mobilidade urbana sustentável. Atua na área de Engenharia de Produção, com ênfase em Gestão da Mobilidade em Grandes Aglomerados Urbanos, Projeto Organizacional e Organização para a Inovação. Desenvolveu projetos e estudos para diferentes entidades, tais como: FAPESP, CAPES, IPT, ABDI, MDIC e CGEE nas áreas acima descritas. Coordena projetos de consultoria nas mesmas áreas tendo atendido demandas da Unilever, Volkswagen, Boticário, Petrobras, Vale, Natura, entre outros.

 

Simone de Lara Teixeira Uchôa Freitas

Contato: simonelara.consult@gmail.comhttp://lattes.cnpq.br/6523672092854854

Pós-doutorado iniciado em 2017 em Engenharia de Produção na Escola Politécnica da USP, Doutorado (2016) e Mestrado (2012) em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da USP. Graduada em Administração pelas Faculdades Integradas Santa Cruz – Curitiba (2005). Consultora e Pesquisadora do LGI – Laboratório de Gestão da Inovação da USP (desde 2009). Atualmente desenvolve pesquisas sobre tipologias de heurísticas para a criação de oportunidades empreendedoras por startups. Professora e palestrante nas áreas de gestão da inovação e desenvolvimento de produtos. Possui vasta experiência profissional, adquirida em empresa multinacional do setor de automação industrial, onde atuou por 15 anos em diversos setores: comercial, administração de contratos, engenharia e pós-vendas, chegando ao cargo de Gerente Administrativa e Pós-Vendas.

 

Vinícius Chagas Brasil

http://lattes.cnpq.br/0423001271534659

Doutorado em andamento em Engenharia de Produção na Escola Politécnica da USP (início 2014) na linha de pesquisa Trabalho, Tecnologia e Organização. Visiting scholar na Stern School of Business da New York University (2017). Bacharel em Engenharia de Produção pela PUC-Minas (2013), com período sanduíche na Hochschule Furtwangen University (Alemanha). Técnico em Administração de Empresas pela ETFG-SEBRAE-BH (2007). Participa de atividades no Laboratório de Gestão da Inovação (LGI-POLI-USP) e no Observatório de Inovação e Competitividade (OIC-NAP-USP) do Instituto de Estudos Avançados da USP (IEA-USP). Tem experiência profissional em empresas, consultoria e centros de pesquisa nas áreas de Logística, Supply Chain Management, Lean Manufacturing, Six Sigma, Engenharia Financeira, Desenvolvimento de Novos Produtos, Gestão de Projetos, Gestão do Portfólio de Projetos, Gestão da Inovação, Inovação Radical.

 

Rafael Augusto Seixas de Paula

http://lattes.cnpq.br/8660951851556371

Doutorando em Gestão da Inovação (Engenharia de Produção – USP). Professor da PUC (Campinas). Experiência em Gestão da Inovação para diferentes setores: bens de consumo, automotivo, energia, metalmecânico, siderurgia e mineração. Vivência em aplicação de metodologias de Gestão de Projetos. Atuação em projetos de interação Universidade/Empresa  (Open Innovation) junto a grandes empresas e principais universidades e instituições de pesquisa no Brasil, tais como UFRJ, USP, IME, UFSCAR e UNICAMP.  Experiência em captação de recursos para inovação junto à FINEP e BNDES e incentivos fiscais (Lei do Bem) em projetos com grandes empresas.

 

Felipe Plana Maranzato

http://lattes.cnpq.br/7112277322870236

Graduado em Engenharia Química pela Universidade Estadual de Campinas (2002), com especialização em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, com ênfase em Estratégia Empresarial (2006), e especialização em Gestão Estratégica da Inovação Tecnológica pela Universidade Estadual de Campinas (2014). Atualmente é pesquisador e aluno do programa de pós-graduação em Engenharia de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, dentro do Laboratório de Gestão de Inovação. Em sua atuação profissional, passou 2 anos na empresa JP Engenharia em projetos da Refinaria de Paulínia (Replan) da Petrobras, e 13 anos na Natura Cosméticas, onde passou por diversas áreas relacionas a Inovação de Produtos até ocupar a posição de Gerente de Estratégia de Inovação. Atualmente é Gerente de Portfólio de Inovação da Akzo Nobel, divisão de tintas decorativas para a América Latina.

 

Pryscilla Aparecida Vaz de Oliveira

http://lattes.cnpq.br/3185068487266006

Doutorado em andamento em Engenharia de Produção na Escola Politécnica da USP (início 2016) na linha de pesquisa Trabalho, Tecnologia e Organização. Possui graduação em Engenharia de Gestão pela Universidade Federal do ABC (2012) e graduação em Bacharelado em ciência e tecnologia pela Universidade Federal do ABC (2011). Consultora e Pesquisadora do LGI – Laboratório de Gestão da Inovação da USP (desde 2016). Atualmente desenvolve pesquisas sobre práticas de gestão de pessoas voltadas para gestores de inovação.

 

Lidyane Stephane da Silva Barros

http://lattes.cnpq.br/2834891632866866

Doutoranda e mestre em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo (USP), na linha Trabalho, Tecnologia e Organização Possui graduação em Engenharia de Produção com período sanduíche na Universidade do Porto – Portugal. Atualmente é professora no curso de MBA – Business Inovation da Faculdade de Informática e Administração Paulista (FIAP). É pesquisadora do Laboratório de Estratégias Integradas da Indústria da Mobilidade (Mobilab-USP) e do Laboratório de Gestão de Inovação (LGI-USP) que se empenham em pesquisas em mobilidade urbana sustentável e gestão de inovação. Tem atuado também em projetos de consultoria em gestão de inovações sociais e empreendedorismo.

 

Frederico César de Vasconcelos Gomes

http://lattes.cnpq.br/1168027447205973

Doutorando em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da USP, com ênfase em Trabalho, Tecnologia e Organização e Gestão da Inovação e de Incertezas em Startups; Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Minas Gerais com ênfase em Estudos Sociais do Trabalho, da Tecnologia e da Expertise; Engenheiro de Produção pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professor do Departamento de Engenharia de Produção da Universidade Federal de Ouro Preto. Pesquisador do LGI (Laboratório de Gestão da Inovação).

 

Felipe Massami Maruyama

http://lattes.cnpq.br/2026411677281180

Doutorando e Mestre em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Também atua como Diretor Técnico de Apoio ao Empreendedorismo Inovador da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia de São Paulo e pesquisador associado do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP).

 

Júlio Cézar Fonseca de Melo

http://lattes.cnpq.br/1393425883833646

Doutorando em Engenharia de Produção pela USP. Engenheiro de Produção e Mestre em Administração pela UFMG, com ênfase em Gestão do Desenvolvimento de Novos Produtos e da Inovação. Atuou como consultor no Instituto EBT (Instituto para o Desenvolvimento de Empresas de Base Tecnológica). Assessor e gestor do portfólio de inovações do Grupo Orteng. onde conduziu a criação de um departamento voltado à gestão da inovação e trabalhos como: desenvolvimento de metodologia para gestão de ideias; a gestão de projetos de P,D&I (orçamento aproximado de R$15milhões); a introdução de benefícios da Lei do Bem; aprovação e gestão de financiamentos junto às principais agências de fomento do país (BDMG; BNDES; FINEP, etc.). Docente e pesquisador da área de Gestão da Inovação.

 

Camila Kiyomi Conegundes de Jesus

http://lattes.cnpq.br/8102214435988779

Mestrado em andamento em Engenharia de Produção na Escola Politécnica da USP (início 2016) na linha de pesquisa Trabalho, Tecnologia e Organização. Formada em Engenharia de Minas pela Escola Politécnica da USP (2010), com Internship no The Ian Wark Research Institute (University of South Australia). Participa de atividades no Laboratório de Gestão da Inovação (LGI-USP). Em sua atuação profissional, trabalha há 7 anos com propriedade intelectual. Atualmente é especialista em patentes no escritório Kasznar Leonardos Propriedade Intelectual.”

 

Cristiane Matsumoto

http://lattes.cnpq.br/6166390729974865

Mestranda em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da USP (iniciado em 2018). Graduada em Engenharia Química pela Escola Politécnica da USP (2007), com extensões na área de energia pela Universidade Estadual de Campinas (Tecnologia, Inovação e Competitividade na Indústria do Gás Natural – 2010 e Eficiência Energética Industrial – 2009). Vasta experiência em vendas consultivas, atendimento ao segmento B2B (indústrias e grandes empreendimentos) e gerenciamento de times de suporte a vendas.

 

Ana Paula Paes Leme Barbosa

http://lattes.cnpq.br/2865379484142975

Doutora e Mestre em Administração de Empresas pela FEA/USP, especialista em Administração de Empresas pela EAESP-FGV, graduada em Comunicação Social pela ESPM. Seu interesse de pesquisa é na temática de Gestão da Inovação, principalmente no que diz respeito à Inovação Aberta. Recebeu o certificado de Doctoral Student Fellow da Product Development Management Association na Universidade de New Hampshire, USA em 2017.