Laboratório de Arqueologia

e Antropologia Ambiental e Evolutiva

Laboratório de Arqueologia

e Antropologia Ambiental e Evolutiva

Laboratório de Arqueologia

e Antropologia Ambiental e Evolutiva

Laboratório de Arqueologia

e Antropologia Ambiental e Evolutiva

Laboratório de Arqueologia

e Antropologia Ambiental e Evolutiva

Destaque

1º LABORATÓRIO DE ARQUEOGENÉTICA DO BRASIL

Novo laboratório construído em colaboração com o Instituto Max Planck da Alemanha irá permitir que maior envolvimento de pesquisadores brasileiros nas análises arqueogenéticas.

1º MAX PLANCK PARTNER GROUP DA USP

Em 2021 foi inaugurado o primeiro Max Planck Partner Group da Universidade de São Paulo. Sob a coordenação do Prof. André Strauss e financiado pelo Max Panck, o grupo irá estudar o passado profundo  da humanidade.

PALESTRA – CAÇA NA AMAZÔNIA

Palestra do Prof. Helbert Medeiros, da UFSCar, sobre ecologia humana, antropoceno e novas pandemias. 

LIVRO INFANTIL – RENTCHIN

Livro de autoria de Rodrigo Elias Oliveira com ilustrações de Nat Greco, que tem como objetivo divulgar a arqueologia e suas especialidades para o público infanto-juvenil.

DATAÇÃO DE PINTURA RUPESTRE NO VALE DO RIO PERUAÇU

Projeto em parceria com o Instituto Weizmann de Israel irá datar amostras de calcita localizadas sobre as pinturas rupestres utilizando método urânio-tório. Financiamento: FAPESP. 

O SURGIMENTO DA AGRICULTURA NO BRASIL CENTRAL

Projeto de doutorado multidisciplinar com análise de zooarqueologia e isótopos estáveis para investigar se a agricultura no Brasil central foi um fenômeno de origem local.

ANTROPOLOGIA VIRTUAL

Estudar a diversidade anatômica humana a partir de modelos tridimensionais gerados de tomografias com o objetivo de reconstruir como viviam os grupos humanos do passado.

PROJETO SALIVAR

A partir de estudos clínicos avaliar o impacto de diferentes dietas no microbioma bucal, contribuindo para aumentar a resolução das análises bioarqueológicas.

NUTRIÇÃO EM COMUNIDADES RIBEIRINHAS DA AMAZÔNIA

Qual o impacto do Programa Bolsa Família na dieta das populações ribeirinhas da Amazônia? Levou a uma alimentação mais saudável ou ao aumento no consumo de ultraprocessados?

MORTE E VIDA NA LAPA DO SANTO: BIOGRAFIA ARQUEOLÓGICA DOS POVOS DE LUZIA

A Lapa do Santo é atualmente o único sítio arqueológico em escavação na região de Lagoa Santa, sendo registrado os casos de grafismo rupestre e decapitação mais antigo das Américas.

A equipe do Laboratório de Arqueologia e Antropologia Ambiental e Evolutiva (LAAAE) da Universidade de São Paulo coordena e participa de diversas etapas de campo como parte integrante de seus projetos de pesquisa. Os trabalhos de campo desenvolvidos pela equipe do LAAAE incluem principalmente escavações arqueológicas e pesquisas com abordagens antropológicas/etnográficas que são desenvolvidas em diversas regiões do país e da América.

HUACA VENTARRÓN – PIRÂMIDE NO NORTE DO PERU

A Huaca Ventarrón é uma dos mais antigos exemplos no Novo Mundo de um edificação monumental. Construído antes mesmo da adoção da tecnologia cerâmica na região é um local chave para o estudo da origem das sociedades andinas. 

LAPA DO MALHADOR – PERUAÇU

Em parceria com a UFMG retomamos as escavações na Lapa do Malhador, local que preserva importantes vestígios orgânicos, como esta espiga de milho escavada e 2021 e que tem 3000 anos de idade. 

AMAZÔNIA – DIETA E NUTRIÇÃO RIBEIRINHA

Como o aumento do consumo de alimentos industrializados é percebido pelas comunidades ribeirinhas da Amazônia  e como mudanças na dieta podem impactar a saúde e o estilo de vida tradicional? 

Coordenadores